Leitores Online

19 de jul de 2017

Traição e Mercenarismo


A Presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) senadora Gleisi Hoffmann, manifestou o apoio petista ao presidente da Venezuela Nicolás Maduro e seus outros representantes de suas ideologias políticas na América do Sul.

A Venezuela vem matando o seu povo de fome e sede, pois, nesse país o mercado está desabastecido e falido por causa de uma política mercenária que vem enganando o povo se dizendo populista ou de esquerda, mas, na verdade não passam de traidores e mercenários de sua pátria.   Estão vendendo as riquezas do país e obedecendo as ordens do FMI que regula tudo e todos na Venezuela. Todos passam fome, menos o presidente Nicolás Maduro e todos os seus aliados. 

A Venezuela está comprometida pelos financiamentos com o capitalismo norte-americano através da rede bancária internacional. Quem compra os barris de petróleos da companhia venezuelana é os EUA, portanto, a Venezuela está comprometida com os gringos. Essa crise na Venezuela está ligada a corrupção dos governantes mercenários que se dizem socialistas, comunistas..., mas, na verdade não têm nenhuma ideologia política são simplesmente mercenários, legislam em causa própria. Falam dos EUA, mas fazem negócios e vivem as custas desse país capitalista do primeiro mundo. 

O presidente da Venezuela está para fazer uma lei que está desagradando o presidente dos EUA que já está fazendo pressões e impondo sansões contra a Venezuela.

As Forças Armadas da Venezuela não dão um golpe no governo de Nicolás Maduro porque está apoiando essa situação de extermínio do povo venezuelano por ordens de países do primeiro mundo, se os EUA autorizassem um golpe na Venezuela então esses militares dariam de imediato, mas como são mercenários e capachos dos capitalistas, junto com os políticos, não fazem nada em defesa do povo massacrado. 

Nicolás Maduro está vendo o seu povo morrendo de fome e não faz nada em benefício desse povo, prefere que o povo morra do que passar um calote nos banqueiros internacionais.

Os banqueiros internacionais conseguiram se infiltrar nos países sul-americanos com o propósito de comprar os políticos e transformar todos em mercenários. 

O Brasil está ficando a imagem da Venezuela. O Brasil com esses políticos corruptos mercenários está ficando o clone da Venezuela. Copiaram a crise da Venezuela e implantaram no Brasil, porque, o que a Venezuela e o Brasil estão passando não é crise, é um complô, um conchavo entre os políticos, os banqueiros internacionais e os países do primeiro mundo. Os políticos fizeram a crise e debitaram na conta do povo brasileiro que vai pagar com juros compostos o preço da bandalheira dos governantes mercenários, corruptos e traidores, enquanto isso, os políticos não sabem o que é crise, estão esbanjando e distribuindo dinheiro a torta e a direita, vivendo como marajás e puxando a corda no pescoço do povo.

O povo é que um bando de idiotas que vivem sendo hipnotizados pelas lavagens cerebrais das retóricas desses políticos mercenários e venais.

Os governantes anteriores que se diziam populistas, socialistas ou comunistas estavam camuflando as suas verdadeiras intenções, agora chegou o governante atual (Temer) que era da mesma saca de farinha dos anteriores, deixou cair a máscara e se mostrou como verdadeiros mercenários que são, e que, estão contra o povo e a favor dos grandes empresários, da política internacional e dos banqueiros estrangeiros.






Por: Ernani Serra
Pensamento: Galinheiro aberto raposas fartas.
Ernani Serra

17 de jul de 2017

Brasil Mafioso


Estamos passando por uma etapa da vida política e social das mais tenebrosas e espúrias que nunca tivemos em nenhuma época da História do Brasil. 

O povo não tem memória e nem vergonha na cara, ou são simplesmente imbecis ou sem conhecimento político, ainda estão querendo colocar os seus algozes no poder de novo, para quê? Se foram eles que desgraçaram a vida dos trabalhadores e de toda a nação. Se esqueceram que foram essas quadrilhas de presidentes traidores que levaram o Brasil a essa crise fabricada por essa corja de políticos espiões e facínoras que estão entregando toda a nação e o país as grandes potências internacionais e principalmente aos banqueiros e empresários estrangeiros. Cadê o patriotismo das Forças Armadas? Estão todos comungando com as mesmas ideias e com os mesmos inimigos do povo brasileiro em favor dessas aves de rapinas e piratas internacionais dos grandes bancos. A nação está caminhando como os gados para os matadouros e cadafalsos que estão armando em forma de leis e PECs; para escravizar, matar de fome e abandono, a toda sociedade da classe média para baixo. 

Esse povo covarde que está baixando a cabeça e deixando que esses políticos os esmaguem entre as unhas como piolhos e nada fazem de concreto e objetivo só sabem reclamar como bebês chorões.

Só não veem os cegos que estão tramando a destruição do Brasil como tramaram a destruição da Venezuela e muitos outros países. 

O povo está votando em agentes brasileiros (espiões) que são pagos pelos banqueiros e políticos internacionais para exterminar a maioria da população do Brasil. Como é concebível? a elegibilidade a políticos bandidos com fichas sujas nas inscrições dos partidos políticos e que são postos a referendo público nas eleições para o povo votar nessas manchas negras e vergonha nacional. São eles: Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva, Dilma Vana Rousseff, Michel Temer e seu mentor intelectual Henrique Meirelles.

Esse é o pensamento governamental. Sonegar para o governo brasileiro é legítima defesa e os impostos que são roubos para o governo não passa de contribuições por serviço prestado pelo cidadão brasileiro. Enquanto a caravana passa vai deixando um rastro de corrupção e injustiças contra a sociedade.    Brasileiros, acordem enquanto é tempo.

Enquanto isso, o presidente Temer vai sendo generoso com o dinheiro público trocando cargos e distribuindo dinheiro (propinas) para conseguir votos através de favorecimento aos deputados que se tornaram aliados do governo, sem falar nos perdões aos financiamentos estrangeiros e também aos sonegadores políticos e banqueiros. É muito bom fazer graça e dar benesses com o dinheiro do povo brasileiro em mãos manchadas de sangue e perdoando impostos dos sonegadores políticos, banqueiros, e empresas privadas. Não temos mais a quem apelar senão ao próprio Deus, que tenha misericórdia do Brasil Bobão que o tornaram uma organização criminosa mafiosa..






Por: Ernani Serra
Pensamento: Não cobrar aos contribuintes os impostos devidos e reais é querer dar um golpe de misericórdia aos cofres da União. Os sonegadores agradecem, mas, as consequências caem na cabeça do povo.
Ernani Serra

14 de jul de 2017

Brasil de Luto


O Brasil está de luto pelas mortes: da lealdade, da honestidade, da moral, do caráter, da dignidade, da honra, da virtude, da justiça, etc. O Brasil virou uma lixeira dos Três Poderes até o povo.

O que estamos vendo ultimamente é uma vergonha para quem tem vergonha na cara, vimos na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) deputados da oposição sendo substituídos por influência do Temer por deputados governistas para que houvessem um número majoritário de parlamentares do governo que iriam salvar o presidente Michel Temer de todas as corrupções que estavam contidos no processo, pelo visto, os parlamentares não votaram pelo processo e sim pelo dinheiro. 

O deputado Zé Geraldo do PT/PA em seu discurso na CCJ da Câmara Federal botou a boca no trombone e denunciou a compra de votos (de quinze milhões até dezoito milhões de reais por deputados) pelo Presidente da República; desde quando um réu pode interferir no seu próprio processo? Isso é imoral e fere todas as éticas da política e jurídica nacional e ainda comprou parlamentares com cargos públicos vantajosos, um verdadeiro balcão de negociatas. 

No Tribunal Superior Eleitoral (TSE) quando foi julgada a Chapa Dilma/Temer houve manobras irregulares onde puseram dois ministros que foram nomeados pelo Michel Temer e um foi advogado da Dilma Rousseff, logo, já estava exposto o empate entre os sete ministros julgadores e o desempate com o ministro Gilmar Mendes em favor do Presidente da República e da Dilma Rousseff, apesar do processo estar recheado de crimes de corrupções contra os réus, ainda houve as manobras de excluir do processo as denúncias da Odebrecht e dos marqueteiros João Santana e Mônica Moura, foi um processo político e não jurídico. Tudo isso mostra as manobras de corrupções indevidas nos processos dos réus. A justiça virou injustiça.

De acordo com o Procurador-Geral da República Rodrigo Janot, o presidente Michel Temer está incurso em quatro crimes: Corrupção passiva, organização criminosa, obstrução de justiça e lavagem de dinheiro. Apesar de todos esses indícios no processo ele foi inocentado e saiu incólume do julgamento no TSE e na CCJ, acredite se quiser, o criminoso é inocentado, perderam a noção do que é inocente e justo.

O presidente Michel Temer disse uma frase: enquanto o povo fala a carruagem passa, o ditado árabe certo: “Os cães ladram e a caravana passa...”, o que ele quis dizer, enquanto o povo fala, reclama, protestam, ele não está nem aí e faz o que ele quer e manobram tudo e todos da política com o toma lá, dá cá, isso se chama compra de consciência de pessoas venais.

O Brasil foi enlameado com essas classes políticas-jurídicas que só veem envergonhando a nação e o país dentro e fora, o Brasil perdeu a credibilidade nacional e internacional. O conceito do Brasil dentro e fora é de um país inconfiável. As classes jurídicas do Brasil já não se entendem mais dentro do próprio tribunal, enquanto uns prendem outros veem e soltam, e a Polícia Federal fica enxugando gelo. Está tudo dominado pela corrupção nacional institucionalizada e generalizada em todas as classes sociais; bandidos versos bandidos.

Não temos mais em quem confiar na gestão do Brasil, todos os candidatos políticos que se apresentam têm fichas sujas na justiça, em quem o povo votar está votando num marginal de colarinho branco, o Brasil está como uma nau sem bússola, perdido num oceano de corrupções e injustiças sociais. 

Isso dito por Rui Barbosa ( no pensamento abaixo) há décadas passadas já era um indício de que a corrupção já estava como um câncer no corpo do Brasil e agora o Brasil na UTI está moribundo com um câncer terminal.








Por: Ernani Serra
Pensamento: De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto. 
Rui Barbosa

10 de jul de 2017

A Máfia contra o Ibama


Enquanto o governo fecha a Lava-Jato por falta de verbas, e compromete toda a operação contra a corrupção dos tubarões da política nacional, agora a Polícia Federal está atrás dos pequenos e médios traficantes e corruptos civis. 

O Ibama comprou várias viaturas para combater o tráfico de drogas, o desmatamento florestal, as invasões de terras, garimpos ilegais, etc.

A cegonheira (caminhões que transportam viaturas) foi queimada com várias viaturas do Ibama para impedir as ações dos criminosos da região, tudo isso indica a mão criminosa de fazendeiros e agropecuaristas de exportação que estão ligados aos crimes de contrabando e outras irregularidades com o ilícito. Quem toca fogo nos caminhões são os piões (testas de ferro) a mando desses chefões do crime organizado.

É preciso combater essa corja de corruptos criminosos para que o país se estabilize e corrija o curso da nação em desenvolvimento. A crise do Brasil está ligada a todas as irregularidades criminosas civis e políticas.

Não é mudando governo e sim moralizando a consciência de cada pessoa na honestidade ou fiscalizando e punindo com rigor todos esses atos criminosos e fazendo uma política de fronteira fechada com severas fiscalizações nos portos e aeroportos do país.






Por: Ernani Serra
Pensamento: Acabou a pesca aos tubarões agora vamos atrás das sardinhas.
Ernani Serra