Leitores Online

29 de mar de 2009

Da Criação a Evolução

Até hoje, nem a ciência e nem a teologia conseguiu desvendar os mistérios da criação em nosso planeta Terra.
Para os cientistas, o mundo começou da explosão de uma grande massa universal e que, através dessas partículas vieram a formar os planetas, as estrelas e todo o sistema macro-cósmico. O nosso planeta, para os cientistas, é um desses pequenos fragmentos que se desprenderam de maneira desorganizada como toda explosão o faz. portanto, se assim fosse correto essa teoria, todo o universo era um caos de desequilíbrio e de uma viagem pelo espaço em caminhos infinitos com probabilidades de choques e autodestruição, enquanto que, o que vemos em nosso sistema cósmico é uma harmonia de equilíbrio perfeito, tudo em seus devidos lugares e tudo regidos por órbitas e movimentos de uma perfeição divina, acredito que, o bom senso, leve a luz para que essa teoria não seja aceita pelas mentes inquiridoras.
Os cientistas acreditam nas transformações das espécies no decorrer do tempo e dizem eles que, a primeira vida veio do oceano e ao se transformar passou à viver em terra e esses animais terrestres foram se transformando em outros animais até chegar ao homem; se essa teoria fosse verdadeira os animais marinhos continuavam a se transformar até a data de hoje e os macacos já tinham quase todos virado homem. Os cientistas ao meu ver, estudam tanto que se tornam crianças ou simplesmente lunáticos para acreditarem em tamanha ficção científica.
O que existe é a evolução de cada espécie dentro do seu próprio organismo biológico que evolui também, o seu psique mental dentro do tempo e do espaço de acordo com o que lhe oferece o seu meio ambiente; é o caso dos trogloditas em seu ambiente hostil e a atual estrutura física e psíquica de nossa civilização, temos também, o caso dos animais pré-históricos que foram extintos e não mais a natureza os criou e nem criará nenhuma raça extinta porque elas são únicas no plano universal, o que prova o seguinte, que os cientistas cometeram outro engano em suas teorias malucas quando afirmam que animal x e y nasceram a tantos milhões de anos, que não é verdade, todos os animais e o próprio homem tem um só tempo na criação divina e este tempo foge a todo raciocínio humano, portanto, a criação é um mistério e o princípio do mundo também.
Quanto aos teólogos, eles também querem aparecer quando afirmam que o mundo foi criado em seis dias e no sétimo Deus descansou (parece até que Deus é humano e se cansa) olha aí, o homem querendo ser mais do que Deus, quando nada existia o homem já sabia o que Deus fazia, e ainda dizem que o homem foi feito de barro e a mulher de uma costela de Adão (outro poder do homem em saber do que foi feito o homem antes de Deus o criar) e que o paraíso onde Deus criou Adão e Eva ficava na demarcação geográfica que hoje chamamos de Oriente Médio e depois, Deus os expulsou do paraíso, se o paraíso estava contido na Terra, como poderia ter sido expulso!? Como todo paraíso que cabe na cabeça do homem (este território é pequeno demais para um Deus todo poderoso que criou a Terra e o Universo) este tinha que ter demarcações geográficas e do tamanho da capacidade do cérebro humano. Se este paraíso era semelhante a um oásis na Terra e era guardado por anjos para impedir a volta de Adão e Eva, porque Deus e seus anjos não impediram a invasão desse paraíso pelos descendentes de Adão e Eva que foram destruindo tudo no decorrer do tempo e o transformou numa região deserta, num inferno de guerras e hoje, onde está esse paraíso perdido? Onde está morando Deus agora e seus Anjos.
O homem tem tendências de querer ser e saber mais do que Deus e querer explicar o que não conhece, os mistérios divinos. Quando o homem fala na construção do universo e na criação do primeiro homem é como se ele fosse superior a Deus e lá já estivesse antes mesmo de ter sido criado pelo Criador; mesmo que se diga que foi por inspiração divina, quem pode confiar no homem, o homem está querendo ser uma criatura privilegiada por Deus em “saber dos mistérios divinos”.

Ernani Serra

Pensamento: A fobia é um estado mórbido no complexo da insegurança.
Ernani Serra