Leitores Online

5 de mar de 2011

A Bíblia Sagrada


É um livro mais lido no mundo. Esse livro foi escrito por judeus, é a história desse povo e da Arábia Saudita no início da arvore genealógica judáica escrita por escribas judeus.

De acordo com o mapa antigo da Mesopotâmia no Oriente Médio, lá estava o paraíso onde Deus morava e criou o primeiro homem Adão e a primeira mulher Eva, e quando Deus expulsou Adão e Eva do paraíso, eles continuaram na Terra só que, fora da fronteira do paraíso celeste e continuaram procriando a espécie humana. Agora onde está esse paraíso tão falado na Bíblia? Pelo visto, o paraíso é hoje um território de conflitos e guerras entre árabes e judeus. Com tantas guerras no paraíso bíblico, Deus e todos os anjos devem ter se mudado, para onde ninguém sabe?

Com o passar dos séculos o Antigo Testamento não sei como, caiu nas mãos dos sacerdotes católicos que passaram a usar, ler e estudar secretamente a história bíblica entre o Papa e seus subordinados religiosos. Com a Era de Cristo, foi escrito o Novo Testamento, que foi usado pela religião Católica Apostólica Romana. Depois vieram os evangélicos protestantes e adotaram a Bíblia Sagrada dos católicos para fundar a nova religião e tomaram como base de doutrina esse livro sagrado.

Cristo foi um judeu que morreu pelas mãos de seus irmãos judeus. Quando Cristo estava crucificado Ele lançou uma profecia ao povo judeu, quando disse: Não vai ficar pedra sobre pedra, (na cidade onde estava crucificado); e os povos judeus vão ficar 2000 anos sem nação, e a profecia se cumpriu quando uma horda de bárbaros liderados por Átila, líder dos hunos, que invadiram e destruíram tudo, e acabou por derrubar o Império Romano do Ocidente, e o povo judeu se espalhou pelo mundo e passou 2000 anos sem uma pátria, só neste século após o cumprimento da profecia de Jesus Cristo é que os judeus conseguiram o país de Israel.

O mundo é controlado pelos judeus, eles se tornaram o todo poderoso das finanças mundiais.











Por: Ernani Serra
Pensamento: O menino Jesus foi perseguido na infância. Na adolescência trabalhou com as ferramentas que um dia o matariam: madeira, martelo e pregos. Era de se esperar que sua personalidade fosse angustiada e ansiosa, mas para assombro da psiquiatria, ao abrir a sua boca ao mundo, jamais se viu alguém tão alegre e generoso. Ele fez poesia no caos.
Augusto Cury