Leitores Online

17 de set de 2011

O pior cego é aquele que não quer ver


Os EUA esbanjaram tanto dinheiro em projetos astronômicos, em guerras e arsenal nuclear, estendeu os seus tentáculos muito além do permitido, o que aconteceu? Ficou fraco e agora está sofrendo com a crise econômica e financeira, e quem vai pagar por isso? O povo norteamericano que está apertando o cinto por causa da recessão, que tirou do trabalhador o pão de cada dia.

Enquanto isso, o governo americano se acha na obrigação de manter o status da NASA, injetando trilhões de dólares em projetos espaciais que não levam a nada.

A NASA está querendo ir para Marte em 2030, os cientistas sabem que é impossível e inatingível uma viagem tripulada, da Terra a Marte, porque a distância é muito grande e existem campos eletromagnéticos e um cinturão de asteroides que impedem essa viagem, destruindo qualquer objeto espacial.

Vamos supor que o homem chegasse a Marte, como iria sobreviver a um planeta estéril e quente, e jamais iriam voltar a Terra por falta de uma base de lançamento de foguetes de Marte para Terra. Tudo não passa de ficção científica.

O mesmo aconteceu com a viagem a Lua, tudo não passou de publicidade para garantir o status de potência e disputa espacial na Guerra Fria. Se o homem tivesse ido a Lua, os EUA teriam dado continuidade com o projeto, mas não, ficaram só enviando astronautas para girarem em torno da Terra e gastando o dinheiro dos contribuintes norteamericanos.

Suponhamos que o homem realmente posou na Lua, como foi que conseguiu ejetar a cápsula de volta a Terra sem uma base de foguetes, e mesmo que a cápsula tivesse pequenos foguetes, não eram suficientes para impulsionar de volta para Terra ou sair da força gravitacional da Lua.

Se os EUA saíssem das quimeras utópicas e enfrentassem a realidade global e aplicassem essas verbas na limpeza do planeta, estariam preservando o futuro da humanidade.

O homem está consciente da destruição do planeta Terra causado pela sua insensatez e agora, estão querendo se mudar para Marte, só que, o único planeta habitado na Via Láctea é a Terra.

Em vez de gastar somas astronômicas em projetos mirabolantes e sonhos irrealizáveis, os governantes de todos os países deveriam se conscientizar da importância das riquezas naturais e começassem a lutar pela sua preservação e despoluição geral do meio ambiente, porque a Terra é o nosso único habitat. Parem de trocar a natureza pela corrupção financeira.

Estão transformando a Terra numa pocilga em que esses porcos corruptos vão morrer na lama.












Por: Ernani Serra
Pensamento: A grandeza não consiste em receber honras, mas em merecê-las.
Aristóteles