Leitores Online

23 de jan de 2012

Território Palestino


O Estado da Palestina é organização política reconhecida parcialmente como um estado soberano no Oriente Médio. O Estado palestino controla algumas funções da administração pública nos territórios palestinos. Ele foi proclamado no dia 15 de novembro de 1988 em Argel pelo Conselho Nacional Palestino. O Estado palestino é administrado, desde 1994, pela Autoridade Nacional Palestiniana, e é reconhecido como um Estado soberano por 109 países.

Ao longo dos conflitos, Israel e palestinos, as reivindicações pela independência do Estado da Palestina têm sido largamente ignoradas pelo Estado de Israel, mesmo após o plano de retirada realizado em 2005.

O Estado Palestino é reconhecido por quase todos os países do mundo islâmico com exceção da Eritreia, e da maioria dos países da Ásia, África e de boa parte dos países da América Latina e da Europa Oriental. Na Europa Ocidental, os únicos países que reconhecem o Estado Palestino são: a República de Malta e a Islândia.

O espaço geográfico que, até 1948, pertencia completamente à Palestina, está hoje repartida em três regiões: Israel, Faixa de Gaza e a Cisjordânia; habitadas em grande parte por árabes de origem palestina, compreendem o almejado Estado da Palestina, mas continua ocupado por israelenses, na ausência de um tratado de paz definitivo. O povo palestino se encontra atualmente disseminado em países árabes ou em territórios reservados aos refugiados.

As Nações Unidas concedeu as antigas terras históricas aos judeus, criando colônias, aldeias fechadas, e, pouco a pouco se começou a mandar embora os palestinianos. Quase 500 mil palestinianos estão neste momento como refugiados na Jordânia, pois tiveram que sair do seu próprio país.

Israel construiu um muro para impedir palestinianos muçulmanos e cristãos, pois se julga, que só os muçulmanos estão na história está muito enganado, isto afecta todos os árabes cristãos na zona, que lado a lado com os muçulmanos estão presos dentro destes muros sem poder sair, sem ter acesso a nada. Gostaria de viver dentro destes muros? Estes muros cercam uma cidade chamada Bethlehem, é a cidade onde nasceu Jesus, é Belém. Fonte: Sites da Internet.


Comentário:
O Estado de Israel vem avançando pelos territórios palestinos e em breve todo esse território vai pertencer a Israel. Os palestinos que já estão sendo expulsos agora, no futuro não terão mais nenhum naquele território. Veja a imagem do mapa no cabeçalho da crônica.

O muro na Alemanha construído por Hitler foi considerado o muro da vergonha e o muro que Israel está construindo em território palestino, como deve ser chamado?

Os judeus já se esqueceram quando foram enclausurados por muros pelos nazistas? Por acaso gostaram? O mesmo está fazendo com os palestinos num cerco desumano para expulsar dos seus territórios. Só faltam construir as câmaras de gás para se comparar com os nazistas.

Os judeus foram perseguidos e agora querem perseguir outros povos, não é justo fazer com os outros, o que não queremos para nós mesmos. A força só gera a força, a guerra só gera a guerra.

Jesus quando crucificado amaldiçoou os judeus por 2000 anos sem um país, agora que recebeu a benção e a graça de Deus depois de 2000 anos, querem dominar toda palestina, e depois, o Oriente Médio?

Se os israelitas querem paz então façam a paz.











Por: Ernani Serra
Pensamento: Liberdade não é meramente tirar as correntes de alguém, mas sim, viver de uma forma que respeita e aumenta a liberdade dos outros.
Nelson Mandela