Leitores Online

10 de abr de 2012

Malefícios da Carne Bovina


Como tudo tem o seu lado negativo e positivo, a carne vermelha é um alimento que também possui suas restrições. Elas podem ser ricas em gorduras saturadas, que fazem mal ao organismo humano e em excesso são inflamatórias.

O ideal seria o consumo de carne de animais que vivem nos pastos, ou sejam orgânicas, de animais que não recebem hormônios e antibióticos e comem ração livre de químicas perigosas.

Uma carne saudável é do avestruz.

Deveríamos tomar o exemplo de Mahatma Gandhi, Sócrates e Einsten, que se abstiveram desse hábito de comer carne vermelha.

Existe o lado positivo desse animal, porém o mal que faz é muito maior. Por que:

- Por estar morto, o animal fica desvitalizado. Sem a energia da vida.

- As proteínas são de baixo teor biológico por se encontrar por longo tempo em congelamento.

- Sua carne contém muita gordura saturada que não se dissolve no sangue humano e provoca o colesterol ruim que fica depositado nas paredes das veias, artérias e vasos sanguíneos que entopem, enrijecem e provocam arteriosclerose.

- As rações químicas dosadas com antibióticos causam resistência bacteriana aos humanos.

- Sem contar com as vacinas, resíduos de pesticidas, drogas alopáticas variadas e outros remédios administrados por via oral e venal e os pesticidas que vem na ração, forração e carrapaticidas.

- Hormônios sintéticos para aumentar a produção do leite como o dietiletilobestrol e do peso do animal com a engorda forçada.

- As carnes bovinas contem ácido úrico principalmente nas vísceras, toxinas como: escatol, fenol, histamina, putrescina, cadaverina, nitrosaminas, nitritos e nitratos que são cancerígenos, colocam na carne sulfato de sódio para dar cor e aspecto saudável nos açougues; salitre, para conservar e outros conservantes químicos como formol, adrenalina, adrenocomo e adrenolutina devido o abate; chumbo, embora em pequenas quantidades, devido à proximidade dos pastos com as estradas; vermes e solitárias – tênia sagihate que é um verme intestinal perigoso, bactérias e vírus diversos; brucelose, tuberculose bovina, humores plasmáticos bovinos; substâncias linfocitárias, alergenos, antígenos, benzoquereno. Foi constatado cientificamente que um quilo de carne vermelha é igual ao fumar 600 cigarros. A fumaça da gordura que sai de um único bife contém benzopireno igual à fumaça de 600 cigarros – (trinta maços).

- Como o intestino humano é muito comprido, as carnes levam em média 6 horas para serem digeridas e acabam gerando reações químicas de putrefação dentro do intestino, provocando gases, que fatalmente irão intoxicar o organismo, além de provocar alterações na fabricação de enzimas.

- A ingestão dessa carne vai provocar a diminuição do cálcio no consumo excessivo de proteína, provocando dentes fracos e mais tarde a osteoporose nos consumidores. Está provado que o excesso de proteína cárnea não aumenta o rendimento físico. O trabalho muscular aumenta o teor de ácido lático (fruto da degradação incompleta da glicose) nos tecidos, aumentando a fadiga, esse ácido deverá ser neutralizado com substâncias alcalinizastes (frutas e verduras).

A carne é uma substância acidificante e por isso aumenta o cansaço. É pobre em vitaminas (exceto a B6 que é essencial para o seu metabolismo) e em minerais que são fatores alcalinizastes. Essas carnes são pobres em fibras.

A carne vem acompanhada de substâncias tóxicas, fruto do metabolismo do animal quando ainda vivo (uréia – xixi – ácido láctico), liberados no momento da morte (histemia, adrenalina) ou produtos de putrefação (Fezes – suor), iniciada logo após a morte. Vêm acompanhados de gorduras saturadas, provocando males coronários, câncer de intestino grosso, seios, pâncreas, próstata etc.

O intestino é responsável por todas as doenças do corpo humano. Fonte: Sites da Internet.

Comentário:
Os hormônios sintéticos dados e injetados nos animais causam nos seres humanos reações químicas que alteram o metabolismo das glândulas como:

Garotos crescem os seios e ficam afeminados.

As garotas menstruam antes do tempo e nascem excesso de pelos.

Esses hormônios estão fazendo com que a população, se torne pessoas, com obesidades mórbidas.

Não são sós nas carnes vermelhas, os frangos também estão com as carnes contaminadas com agrotóxicos, hormônios de engorda, de postura e crescimento rápido.












Por: Ernani Serra
Pensamento: A degeneração moral tem sido por vezes qualificada de regeneração política.
Marquês de Maricá