Leitores Online

18 de mar de 2013

Acredite se Quiser


O Governo Federal anunciou em mídia que iria baixar em 18% as contas de energia elétrica para beneficiar o povo, as concessionárias de fornecimento de energia elétrica que concordaram com essa porcentagem tiveram uma compensação milionária e que, fizeram que baixassem as contas de energia do povo e de imediato aumentaram numa porcentagem bem maior do que 18% e ainda cobrou algumas taxas de serviços, foi um blefe das concessionárias, o governo jogou dinheiro no lixo, ou teve realmente a intenção de beneficiar essas concessionárias com os milhões por conta do acordo, e no final, não houve nenhuma baixa de energia para o povo, o governo foi que perdeu dinheiro.

Agora vem a ajuda as regiões que estão sofrendo com a seca, e os pecuaristas estão com uma perda de 80% ou mais, dos rebanhos mortos; mas que ajuda é essa? O governo vai mandar milhões de reais para os prefeitos dos municípios afetados pela seca, isso quer dizer, que esse dinheiro vai para outros fins escusos e os pecuaristas vão ficar na mesma situação, na miséria.    Por que o governo não manda construir de imediato, centenas ou milhares de poços artesianos em caráter de urgência e com transformadores de água insalubre para potável? Por que não enviam o Exército Brasileiro com centenas de caminhões pipas para abastecer toda a região da seca? Na verdade, parece que não há interesse de controlar a seca nem salvar as vidas dos animais. 

Por que as construções dos canais do Rio São Francisco não terminaram? Porque há interesses políticos e econômicos para travar essa realização que iria beneficiar os agropecuaristas das regiões do polígono das secas. As secas são uma fonte de renda para os políticos que se fazem de interessados e sensibilizados com a situação caótica dos pecuaristas e do povo, quando na verdade, esses políticos querem que essa classe se exploda e que, venham mais verbas para os cofres dos municípios e que, continuem para sempre essa bendita seca. Amem.

O mesmo acontece com a indústria das enchentes, o governo se faz de bonzinho e manda verbas milionárias para os prefeitos e governadores que desviam o dinheiro para outros fins, o povo continua sem casas e abandonados. É um faz de conta que ajuda e quem sai ganhando são os poderosos da política. E o povo sai ferrado nessa história de ajuda humanitária.

Agora os políticos estão se digladiando entre si para trazer para os seus estados os royalties do petróleo, por acaso; esse dinheiro que tanto estão querendo é para beneficiar o povo? É uma verdadeira batalha de interesses estatais. Acredite se quiser. Por que não usam esses royalties do petróleo para os cofres da Saúde, Educação, Segurança e Saneamento? Se fosse decretado isso, nenhum político estaria pedindo esses royalties no Congresso Nacional para os seus Estados.     Toda essa batalha só tem um endereço, interesse e ambição; quem vai se beneficiar com tudo isso? A máfia dos negócios escusos.

O governo federal beneficiou as indústrias com o corte de alguns impostos na inocente proposta de que essa classe patronal fosse baixar as mercadorias no varejo, contendo a inflação. Até agora a inflação continua no mesmo patamar. Tudo indica que o governo está sempre beneficiando os mais poderosos, blefando e enganando a boa fé do povo.

O professor Paulo Bandeira, de 45 anos, em Maceió, foi assassinado e torturado por políticos por ter denunciado desvio de verba da educação. Esse é o país da corrupção, Brasil…






Por: Ernani Serra 
Pensamento: É preferível suportar os males que temos a voar para aqueles que não conhecemos.
William Shakespeare