Leitores Online

18 de jul de 2013

Mc Daleste


Mc Daleste nome artístico de Daniel Pedreira Senna Pellegrine (nasceu na Penha, em 30 de outubro de 1992 e faleceu em Paulínia, a 7 de julho de 2013), foi um cantor e compositor de funk ostentação e rap brasileiro. Foi assassinado durante um show em 7 de julho de 2013 em Campinas.

Foi um cantor de funk bem sucedido, faturava em shows 200 mil reais por mês. Iniciou sua carreira no ano de 2009, compondo seu primeiro funks usando um computador de uma lan house da periferia de São Paulo. Atualmente trabalhava em parceria musical com o cantor MC Guimê e suas canções possui em tema a ostentação.

O clipe póstumo do MC Daleste, foi feito da canção São Paulo que foi gravado poucos dias antes da morte do funkeiro, o videoclipe em poucas horas alcançou 890 mil acessos no YouTube.

O funkeiro MC Daleste, faleceu na noite do dia 7 de julho de 2013 no hospital Municipal de Paulínia, para onde foi levado depois de levar um tiro na barriga durante uma representação em Campinas. 

O corpo do fanqueiro foi enterrado às 9h40 do dia 8 de julho de 2013, no Cemitério da Vila Formosa, na Zona Leste de São Paulo. 

O velório foi acompanhado por muitos fãs, amigos e familiares de Daleste. Em alguns momentos, podem-se ouvir canções do músico cantadas pelo público que acompanhava o enterro.

Na manhã de 7 de julho de 2013, investigações da Divisão de Homicídios da Delegacia de Investigações Gerais, ouviram testemunhas que estavam no show. O número de disparos, que partiram de um terreno baldio, não foi informado pela polícia.     A polícia busca um Gol vermelho, usado pelo assassino durante a fuga. A principal linha de investigação é a de vingança ou crime passional. Fonte: Wikipédia.

     Comentário
Algumas testemunhas dizem que ele se envolveu com uma garota e o namorado foi o assassino do MC Daleste.

Ainda está tudo muito obscuro e ninguém tem certeza de nada e nem a polícia chegou ao verdadeiro assassino.

Tudo indica que a arma que foi usada para alcançar o fanqueiro no palco numa distância de 40 metros, só pode ter sido por um rifle que deu uma mira exata e perfeita ao atirador, nessa distância seria muito difícil acertar com um revólver a menos que, fosse uma 45, privativa das Forças Armadas, que tem um puder de fogo perfeito até 50 metros de distância, mas mesmo assim, o criminoso teria que ser um exímio atirador, com muita chance de errar o alvo, só um rifle é que teria uma mira perfeita e de grande alcance.

Vamos esperar a investigação da polícia. Por enquanto existem muitas suposições, mas nada de concreto até a presente data.




Por: Ernani Serra
Pensamento: De todos os animais selvagens o homem é o mais feroz deles.
Ernani Serra