Leitores Online

1 de ago de 2013

Software da NSA é a Espiã Online


O programa conhecido como X-KEYSCORE permite à Agência de Segurança dos EUA rastrear quaisquer contas de e-mail, assim como acompanhar todos os seus passos enquanto você navega pela internet.

Já se vê ao longe, hoje, a época em que o potencial de sondagem da NSA (Agência de Segurança Nacional) era apenas fruto de teorias da conspiração – fomentadas por inúmeros anos de cinema hollywoodiano. Entretanto, caso o escândalo recente envolvendo escutas telefônicas em território estadunidense tenha feito você pensar “Ok, é isso”, é melhor olhar novamente: a agência tem algo ainda mais poderoso nas mangas.

Trata-se do software conhecido como X-Keyscore, o qual se diz ser capaz de acessar “praticamente qualquer coisa” em ambiente online. A existência do programa foi revelada pelo agente da NSA Edward Snowden. Segundo ele, o X-Keyscore é capaz de vasculhar qualquer coisa através da internet – desde que essa coisa se utilize do protocolo HTTP.

Entretanto, é ressaltado que, embora a agência possa pescar qualquer coisa do ambiente online, ela não necessariamente o faz.   A garantia? Um protocolo bastante simples: o agente interessado em investigar alguém na internet, simplesmente entra com um texto, justificando o expediente – o que não dependerá do aval de superiores ou de qualquer tipo de corte. Sim, isso é bem pouco reconfortante.

     Confira os atributos do poderoso X-Keyscore:

     1 – Realizar escutas em qualquer telefone – de forma praticamente instantânea – podendo ainda registrar todo o histórico de e-mails;
     2 – Conferir em tempo real cada passo que você dá em ambiente online;
     3 – Ler o e-mail de qualquer um;
     4 – Monitorar conversas no Facebook;
     5 – Ver praticamente qualquer coisa que você faz na internet; e
     6 – Obter os endereços de IP de qualquer site com o protocolo HTTP. Fonte: Site na Internet.

     CENTRAL INTELLIGENCE AGENCY
A Central Intelligence Agency (Agência Central de Inteligência), mais conhecida pela sigla CIA, é uma agência de inteligência civil do governo dos Estados Unidos responsável por investigar e fornecer informações de segurança nacional para os senadores daquele país. A CIA também se engaja em atividades secretas, a pedido do presidente dos Estados Unidos.

É a sucessora da Agência de Serviços Estratégicos (OSS, sigla em inglês), formada durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) para coordenar as atividades de espionagem entre os ramos das Forças Armadas dos Estados Unidos. 

A principal função da CIA é coletar informações sobre os governos estrangeiros, corporações e indivíduos, e para aconselhar políticas públicas. A agência realiza operações clandestinas e ações paramilitares, e exerce influência na política externa através da sua Divisão de Atividades Especiais.

A CIA e as suas responsabilidades alteram-se significativamente em 2004. Antes de dezembro de 2004, a CIA foi a principal organização de inteligência do governo americano, que coordenou e supervisionou não só as suas próprias atividades, mas também as atividades da Comunidade de Inteligência E.U. (IC) como um todo. A lei preventiva da Reforma da Inteligência e Terrorismo de 2004 criou o cargo de Diretor de Inteligência Nacional (DNI), que assumiu alguns do governo e IC-gama de funções. O DNI gerencia o IC e, portanto, do ciclo de inteligência. A função que se mudou para o DNI incluiu a preparação de estimativas de parecer consolidadas do IC 16 agências, e a preparação de briefings para o presidente dos Estados Unidos.

     HISTÓRIA
A agência foi criada em 1947 pelo presidente Harry S. Truman (1884-1972) mediante um pacto governamental de Segurança Nacional para satisfazer uma necessidade estratégica devido ao início da Guerra Fria e ao avanço do comunismo.

A espionagem estrangeira, o roubo de projetos da área tecnológica, de armamentos e a fuga de informações ocasionaram a necessidade de vigiar e relatar todos os assuntos referentes à segurança nacional ao Presidente, procurando a melhor forma possível de interferir e neutralizar os efeitos negativos oriundos de ameaças externas.
 
Para coordenar as atividades da Agência, existe uma Diretoria Central de Inteligência, cuja função é interligar a comunidade de informação ao Presidente dos Estados Unidos, fazendo aconselhamento das melhores estratégias possíveis e suas consequências, de forma a intervir, quando necessário, em organizações ou Estados que possam causar prejuízo aos Estados Unidos.

São atribuições de a CIA executar o monitoramento da inteligência estrangeira (serviços de informações estrangeiras) de forma precisa, inclusiva e oportuna, provendo tópicos de segurança nacional.

Executar atividades de contrainformação, administrando atividades especiais e outras funções relacionadas à inteligência estrangeira e segurança nacional, quando ordenado pelo Presidente.

Para realizar sua missão, a CIA se ocupa de pesquisa e desenvolvimento de tecnologia para propósitos de inteligência. Como agência independente, a CIA serve como fonte de análise de dados, trabalhando com outras organizações na Comunidade de Inteligência e Segurança Nacional para assegurar que os dados recolhidos cheguem com a maior precisão possível à Casa Branca e ao campo de batalha, quando necessário.

Devido às novas realidades globais de segurança nacional, a CIA está atuando com a criação de grupos multidisciplinares priorizando o contraterrorismo, cuidando da contrainformação, coibindo e combatendo o crime organizado e o tráfico de drogas internacionais, analisando e monitorando as agressões ao meio ambiente, criando condições para uma segurança estável ao povo dos Estados Unidos, levando à Comunidade de Inteligência a análise de todos os tópicos que afetam a segurança nacional. Fonte: Wikipédia.




Por: Ernani Serra
Pensamento: A vida merece algo além do aumento da sua velocidade.
Mahatma Gandhi