Leitores Online

3 de mai de 2014

Revolução Industrial e Tecnológica


Na metade do Século XVIII se deu a Revolução Industrial que foi se desenvolvendo em tecnologia.

No começo da revolução o povo achava que a industrialização era o começo de uma era de produtos baratos, acabando a fome da população com a produção em série e em grandes quantidades.

Hoje, essa industrialização é quantitativa e qualitativa através de maquinarias modernas de última geração.

Apesar da explosão demográfica no Globo Terrestre essas novas tecnologias estão demitindo os trabalhadores e diminuindo o quadro de pessoal nas indústrias, no comércio e na zona rural, indo de encontro com as necessidades da população e fomentando cada dia mais o número de miseráveis e famintos.

A nova tecnologia exige muito do trabalhador, uma especialização especial que o governo não vem acompanhando essa evolução tecnológica, e deixando o povo sem especialidade e, portanto sem emprego na nova era da maquinaria moderna, sem falar nas automações robóticas que demitem a mão de obra especializada do trabalhador urbano, e na zona rural já é visível à demissão em massa da mão de obra especializada por máquinas (tratores e colheitadeiras) modernas que faz o serviço de mais de 1000 trabalhadores rurais em curto prazo de tempo com apenas um operador de máquina e um computador.

A nova tecnologia está fascinando desde os jovens quanto aos adultos, mas, está formando uma sociedade para poucos, onde toda a modernização custa muito caro e de difícil acesso ao poder aquisitivo do trabalhador, a menos que os governantes acompanhe essa modernização através da educação, profissionalização, saúde, saneamento básico, salários altos e controle da inflação e muitos outros serviços.

Essa modernização está levando os trabalhadores às demissões em massa por falta de especialistas e por excesso de produtos manufaturados é o caso das indústrias automobilísticas e muitas outras.

Tecnologia moderna é sinônima de desemprego e miséria social, é o apocalipse da humanidade.

A tecnologia está evoluindo tanto para o mal como para o bem da ciência e do arsenal bélico.

Estamos voltando para a era antes da revolução industrial em que as massas eram miseráveis, hoje, com esse “avanço tecnológico” que está discriminando e favorecendo uma camada social privilegiada dentro da sociedade burguesa em detrimento da maioria populacional.

Estamos caminhando para o fim de uma era tecnológica moderna que vai matar e exterminar a humanidade em grande estilo. 

Vamos produzir em grande escala para um número tão pequeno e privilegiado da sociedade que toda a tecnologia vai entrar em colapso, falência, isso é, se não houver uma III Guerra Mundial, nem que seja com armas convencionais, para diminuir a explosão demográfica da Terra. 

As guerras muitas das vezes são combinações políticas que começam e terminam quando querem os senhores das guerras.




Por: Ernani Serra
Pensamento: Os trabalhadores são simples escravos modernos manipulados pelos patrões e políticos.
Ernani Serra