Leitores Online

10 de fev de 2015

Transposições


Em março, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, levantou publicamente a ideia de desviar para o sistema Cantareira águas da bacia do rio Paraíba a fim de atenuar a crise hídrica no Estado. O então governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, ameaçou recorrer à Justiça. A situação acabou sendo mediada pelo governo federal. Mais uma vez o governo federal interveio e, após uma reunião convocada pelo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Luiz Fux em novembro, Alckmin, Pezão e o então governador de Minas Gerais, Alberto Pinto Coelho, chegaram a um consenso, autorizando a obra.

É muito esquisito que se tenha projetado uma obra num rio (Paraíba) que está no mesmo nível da barragem do Cantareira, para fazer uma transposição de ar para ar, porque não existe água suficiente para transpor os dutos nem de um lado nem do outro, é jogar dinheiro no lixo. Essa transposição só daria certo se fosse feito de um rio caudaloso e perene para o reservatório do Cantareira, aí sim, teria água suficiente para abastecer São Paulo. O que estão fazendo é uma transposição do nada para o nada. 

Porque esses governos estaduais e federais não fazem uma transposição dos rios caudalosos e perenes como: a Bacia do Paraguai-GO, ou no rio Paraná-PR, ambos os rios são caudalosos e perenes com águas cristalinas e limpas, que poderiam abastecer sem nenhum problema todo o Estado de São Paulo, gastando menos do que foram gastos com mais de 700 km da Transposição do rio São Francisco e que, ainda está se arrastando, para cada ano que passa, a obra se torna mais cara em bilhões de reais em propinas e superfaturamentos. 

A Transposição do rio São Francisco só daria certo se houvesse uma transposição do rio Amazonas no outro extremo do canal da Transposição do rio São Francisco, que poderia ajudar dando apoio, quando o rio São Francisco estivesse passando por uma estiagem e os canais seriam abastecidos pelo rio Amazonas no outro extremo, isso sim, é tirar água onde há água.

Vejam como está fazendo falta aos cofres dos contribuintes, os bilhões de dólares que foram aplicados na Bolsa de Valores com o intuito de baixar o dólar no Câmbio e que, hoje não temos mais um centavo desses dólares e o dólar continua a subir vertiginosamente no Câmbio e toda a economia saindo pelo ralo da exportação gratuita e da inflação, recessão social e também dos trilhões de dólares que foram extraviados da Petrobras pelas aves de rapinas e hienas mafiosas.  

Esses políticos não têm jeito não, são uns bandos de sanguessugas (corruptos) que não têm amor a Pátria só pensam em extorquir a sociedade. 

Vejam quantos bilhões de reais o governador de São Paulo vai usar e abusar para construir uma transposição que não vai ter nenhuma utilidade para o povo sem água e sem energia elétrica, belos governadores que representam o povo; ou eles representam a si próprios? 







video



Por: Ernani Serra
Pensamento: A corrupção dos governantes quase sempre começa com a corrupção dos seus princípios.
Barão de Montesquieu