Leitores Online

19 de mar de 2015

Herança da Copa do Mundo e da Petrobras


A Copa do Mundo só veio para dar déficits e problemas ao Brasil, só quem usufruiu o bem bom foi a FIFA que nada fez só fez a fiscalização, e como tudo no Brasil quem menos trabalha é quem mais ganha, portanto, foi quem mais ganhou nesse evento esportivo. 

A Copa do Mundo de 2014 no Brasil deixou um rombo nos cofres públicos, o governo só teve despesas, foi um péssimo negócio essa Copa; como uma doença epidêmica os problemas dos estádios foram se arrastando e até hoje só temos problemas e déficits orçamentários nas Arenas.

Foi uma herança maldita, o mesmo poderá acontecer com as Olimpíadas de 2016, a ideia dos políticos é que o Estado não tem fins lucrativos, e vamo-nos afundando em dívidas e gastos desnecessários aos interesses do Brasil. O Brasil só tem a perder e nunca a ganhar. Os políticos que jogam o dinheiro dos cofres da União na Bolsa de Valores com o intuito de beneficiar os estrangeiros deveriam ser punidos com o crime de lesa a pátria.

Quando o Brasil fica rico monetariamente vem um Ministro e joga toda a fortuna do país na Bolsa de Valores onde não tem mais volta, o mesmo acontece com as riquezas do solo e subsolos brasileiros têm que privatizar para que o Estado não fique rico, o escândalo da Petrobras talvez tenha sido minuciosamente programado através do tempo para que a bolha estourasse no tempo certo, vão querer a privatização total da Petrobras que era a única fonte de riqueza do país e foram fatiando devagarinho como numa operação cirúrgica e deram uma fatia pequena a dois países asiáticos e uma grande fatia a Shell deixando a Petrobras fornecendo mais a petroleira norte-americana. 

 A Petrobras perdeu o poder de voto, a Shell é quem manda por ter a porcentagem maior das ações ordinárias (com direito a voto), mas isso não foi suficiente, estão querendo entregar o resto das ações porque a Petrobras não deve ter fins lucrativos, foi por isso que os vampiros sugaram todo dinheiro e desviaram para os paraísos fiscais. 

Desmoralizando e enfraquecendo a Petrobras fica mais fácil fisgar esse grande peixe que se tornou uma piaba. Esses bandidos venderam a Petrobras de maneira clandestina e por baixo do pano.

Já era de se esperar porque antes já havia muita maracutaia e negociata com as plataformas que eram construídas aqui, vendidas aos estrangeiros, mas não saia do país e o Brasil alugavam essas plataformas que eram do Brasil, verdadeiro plano maquiavélico, arquitetado para extrair capital da Petrobras que estava sob custódia internacional.  

A presidenta da República para fechar uma dívida recorreu ao leilão de privatização do Pre-sal e entregou uma parte aos asiáticos. A Dilma Rousseff estava fazendo aquele jogo de tapa-buracos, tirando de um lugar e pondo em outro, isso já era para se desconfiar de que o Brasil já estava andando de muletas. 

O Brasil está fazendo o jogo econômico-financeiro ortodoxo dos Europeus que a cada dia estão mais se enforcando com a crise e o plano de austeridade político-econômico, veja a crise na Alemanha e Grécia, o Brasil está a caminho dos mesmos problemas desses países sufocados pelas leis fiscais, inflação, recessão, desemprego em massa... 

O Brasil para ser grande e poderoso tem que ter direito aos fins lucrativos, tem que ter lastro-ouro, lastro monetário internacional, moeda forte, etc. Transformaram o Brasil num anão.







Por: Ernani Serra
Pensamento: Quem trai a pátria, trai a si mesmo.
Ernani Serra