Leitores Online

28 de abr de 2015

Exportadores do Brasil


A crise pré-fabricada pela má gestão do governo federal e da incompetência de todos os políticos que davam o aval a todos os gastos exorbitantes e megalomaníacos da presidenta e mostram que, todos estão implicados no mesmo doce de marmelada fraudulenta. 

Foi assim, que chegamos aos objetivos políticos de uma crise em forma de uma gigantesca bolha econômica e financeira, que está prestes a estourar a qualquer momento nas costas do povo brasileiro como se fossem cobaias ou mártires de uma crise corrupta, pagando os inocentes pelos pecadores.

Cabe ao poder econômico nacional de exportação a reverter esse quadro de inflação com recessão através da agropecuária, pondo uma parte da safra de exportação a venda no mercado interno para reverter os preços aos consumidores; o mercado nacional bem abastecido a preços razoavelmente justos combateria a inflação e a recessão. Vamos dar prioridade à economia nacional e só devemos exportar os excedentes principalmente nessa época de crise que o Governo Federal impôs ao povo. Os exportadores não devem deixar os políticos governarem a crise, devem tomar as rédeas do abastecimento nacional. O povo precisa de comida na mesa para sobreviver com dignidade.

Os pequenos agropecuaristas que não exportam devem aumentar suas produções para abastecer o mercado brasileiro.

Até as multinacionais do comércio varejista deveriam importar as mercadorias que estivessem em falta para abastecer os estoques e evitar a inflação e o desabastecimento que aumenta as mercadorias e a inflação.

Não é justo deixar o povo brasileiro a mercê de uma crise de má gestão política e pagar com sangue e suor o que não deve. A inflação e a recessão vão deixar os brasileiros mais pobres, miseráveis e famintos.

O governo (Banco Central) praticou seus atos criminosos na Bolsa de Valores e conseguiu fazer com que o dólar ficasse nas alturas penalizando toda uma nação nacional em favor dos turistas e das nações estrangeiras, como também, penalizou os agropecuaristas brasileiros que vão exportar mais em troca de míseros dólares que não é vantagem alguma, seria mais vantajoso que colocassem uma parte da safra no mercado interno para deflacionar e reverter à crise, e consequentemente no futuro ia ter um dólar baixo competitivo e com garantias de lucros aos exportadores. Com menos exportação o governo pressionaria os países da globalização a baixarem o dólar no Brasil, ou o governo baixaria artificialmente o dólar no câmbio como já foi feito em outros governos, porque o governo está necessitando de dólares internos, já que a gestão anterior foi inconsequente e má administrada pelo ministério que tinha os poderes para fazer uma boa gestão e não fez.

Com a nossa moeda real valendo menos que papel higiênico e o dólar valendo ouro, tudo isso foi uma artimanha do governo para chamar os turistas a gastarem seus dólares aqui no Brasil, principalmente na Copa do Mundo e agora nas Olimpíadas de 2016, sem falar nos Estados que estão faturando com as crianças e adolescentes no turismo sexual e também, não estão combatendo o tráfego de drogas nem de armas porque é uma fonte de dinheiro sujo na lavagem para os Estados que ganham com esse comércio imoral do tráfico e fazem de conta que estão combatendo, e o povo, e os policiais militares que se explodam e morram baleados. 

Por que as Forças Armadas e a Polícia Federal não fazem postos e Batalhões permanentes nas fronteiras para impedirem a entrada de drogas e armas?  Porque o governo político está conivente com esse comércio ilegal e fazem de conta que estão combatendo nos morros e deixam as fronteiras livres para os contrabandistas de drogas e armas passarem livremente. Está combatendo os peixinhos deixando os tubarões faturarem alto.

A governança desse país chamado de Brasil está um caos, umas badernas, estão todos tontos sem saber o que fazer para consertar tantas irregularidades, a casa está toda desarrumada, uma casa de Noca, parece até que os políticos são acumuladores compulsivos, mas não de lixos e sim, de dinheiro fácil, sujo, (corrupções), falcatruas e de desperdício do dinheiro público em obras faraónicas e inacabadas que deixam tudo pelo meio do caminho e de maneira criminosa e estratégica para falir a nação, toda essa governança conseguiu deixar o Brasil de esmolas, numa crise social, econômica e financeira, única, nunca visto.






Por: Ernani Serra 
Pensamento: Só se acaba a fome é com trabalho, educação e salário digno (alto) e com fartura no campo.
Ernani Serra 
Pensamento: César declarou que amava as traições, mas odiava os traidores.
Plutarco