Leitores Online

14 de abr de 2015

Transplante de Cabeça ou de Corpo Humano


Pelo que li não é um transplante de cabeça humana e sim, um transplante de corpo humano, conforme o site Disse Isso, da seguinte maneira: “A técnica consistiria em implantar a cabeça de um paciente de doença grave no corpo de um doador que tenha tido morte cerebral”. Quando se fala em transplante de coração e outro órgão é quando o doador tem morte cerebral e a família faz a doação, no caso acima a doação é de um corpo e não de uma cabeça. A cabeça do paciente continua a mesma mais o corpo é de outra pessoa, mesmo que desse certo, esse paciente com corpo de outro cadáver no futuro iria ter a mesma doença naquele corpo por causa das informações contidas no computador cerebral humano.

Isso é bizarrice de cientistas loucos que querem aparecer à custa do sofrimento alheio. Nada feito pelo homem é perfeito, a ciência quer se igualar a Deus mais jamais irá chegar à perfeição Divina, porque a ciência não cria nada apenas usa o que está criado e faz enxertos e se acham o máximo em suas operações humanas e mesmo assim, com muitas imperfeições. 

É quase impossível que esse tipo de operação de transplante de corpo tenha êxito na cabeça do paciente. O procedimento é por demais complexo em suas ligações e filamentos nervosos do sistema nervoso central e que, dificilmente iria se harmonizar com o de outro corpo estranho, acontecendo à rejeição, mesmo que tivesse compatibilidade cada ser humano é diferente em todas as suas células e energia que iria causar um caos químico-elétrico.   

Outro problema é a decapitação do paciente que teria de imediato a morte cerebral e, portanto perderia todas as informações contidas no computador encefálico e no desligamento imediato das combinações elétricas dos neurônios com a impossibilidade de reativar todas as funções cerebrais. O cérebro não é como o coração e outros órgãos que podem durar algumas horas para morrer, o cérebro quando morre, morre de verdade. 

Isso não é pesquisa científica é assassinato é o mesmo que fazem com os cadáveres resfriados para fazerem ressuscitar anos mais tarde, é uma maneira de enganar os familiares e roubar dinheiro e a consciência das famílias que acreditam nesse conto de carochinha. 

Pior seria se os transplantes fossem realmente de cabeças, a coisa se complicaria ainda mais, quando tirasse a cabeça de um doador para o paciente que perderia todas as informações pessoais e personalizadas de seu computador para agir com a cabeça alheia.   Isso sim é transplante de cabeça.










Por: Ernani Serra
Pensamento: Cada um deve se conformar com a cruz que Deus lhe deu.
Ernani Serra