Leitores Online

17 de out de 2015

Cura Comprovada do Câncer


O câncer está sendo curado através da fosfoetanolamina sintética criado pelo professor e químico Gilberto Orivaldo Chierice, aposentado da Universidade de São Paulo (USP) que descobriu há mais de 20 anos essa substância química com curas comprovadas, só que, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e outras autoridades do governo vêm impedindo a liberação do remédio no mercado brasileiro, pura burocracia, “má vontade” é uma maneira corrupta de impedir que cientistas brasileiros apresentem fórmulas curativas de doenças fatais, se essa fórmula fosse apresentada por um cientista estrangeiro (norte-americano) a ANVISA e as autoridades já tinham liberado de imediato. A aprovação desse medicamento (fosfoetanolamina sintética) será o fim dos medicamentos e aparelhos de ressonância magnética e outros similares, e também, dos medicamentos laboratoriais das multinacionais que são paliativos mais, muito eficazes na rentabilidade monetária para as fontes produtoras internacionais.

Já fizeram também se calar uma cientista brasileira do Sul do Brasil que conseguiu zerar todos os vírus do HIV (human Immunodeficiency Vírus) ou AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida) através de um medicamento que foi comprovado através de pessoas que foram submetidas ao tratamento sem nenhuma reação indesejável. Depois dessa apresentação em rede nacional de TV nunca mais se ouviu falar dessa cientista e muito menos do seu medicamento eficaz. 

Os laboratórios das multinacionais não querem tão cedo o fim dessas doenças que lhes dão bilhões de dólares por ano, é uma mina de ouro.

As autoridades brasileiras estão subordinadas aos interesses das multinacionais que são poderosas e conseguem bloquear quem lhes desejem fazer concorrência ou eliminar os seus produtos farmacêuticos e seus equipamentos científicos através de curas efetivas.

Toda essa burocracia é para que o descobridor dessa fórmula fique pressionado e venda a patente aos estrangeiros e os laboratórios das multinacionais introduza no país e no mundo o medicamento altamente caro, enquanto que, se for manipulado por laboratórios nacionais esse medicamento fará concorrência e falência dos produtos internacionais paliativos e, será vendido no mercado a preços módicos, beneficiando os brasileiros na aquisição e na cura da doença específica.

Os governantes brasileiros não querem que os brasileiros se tornem famosos e superiores aos estrangeiros e muito menos façam concorrência, é por isso que, não é dado ao brasileiro o direito a educação e a saúde pública de melhor qualidade. Quanto à saúde pública querem que o povo se exploda e tomem remédios paliativos que não curam, rendam muito dinheiro e morram. Quanto à educação que está pisando num só lugar, é muito bom para que o povo não se eduque, não trabalhem e fiquem a mercê dos programas da politicagem e das Bolsas... 

O que existe é uma máquina política criminosa que está levando o Brasil à falência total para fins escusos ideológicos. Está havendo uma orquestração com a finalidade e efeito dominó.






Por:Ernani Serra 
Pensamento: A ganância insaciável é um dos tristes fenômenos que apressam a autodestruição do homem.
Textos Judaicos