Leitores Online

1 de jan de 2016

A Máfia Mundial


Os mafiosos se infiltraram em todos os países capitalistas com o aval de todos os políticos do capitalismo mundial. Os governos desses países perseguem os peixinhos do narcotráfico e deixam os tubarões tomarem conta do oceano tóxico; como podem combater o narcotráfico se nesses países existem: a prostituição, o tabaco, o álcool oficializados; as drogas, os cassinos clandestinos, etc. É uma grande hipocrisia. 

Primeiro a política manda os infiltradores para minar a sociedade que deseja tomar de assalto pelos vícios principalmente se esses países ainda não foram minados por esses agentes nocivos, verdadeiros, ervas daninhas, quanto mais pessoas viciadas mais vão render aos mafiosos e ao PIB do país onde estão instaladas essas gangues de criminosos que destroem a célula mãe da sociedade e as transformam em zumbis, alienados que perderam tudo: moral, dignidade, nacionalismo, amor ao próximo etc. Essas máfias são a escória de uma sociedade em decadência, quanto mais pobres, mais ricos vão ficar esses mafiosos, são abutres e hienas que vivem desses despojos apodrecidos de corpo e alma.    

Os mafiosos derrubaram a URSS por que não estava dando chance para a invasão dos vícios naquele país comunista. Tanto fez que penetrou e minou todo o sistema político militar dando o xeque-mate nos soviéticos. Agora estão bem instalados na Rússia atual, corrompendo toda a sociedade russa.

Os mafiosos não servem somente para derrubar uma ideologia política, servem também para derrubar o crescimento de uma nação. 

É o caso dos comunistas brasileiros que na época de João Goulart foram derrotados pelos militares que receberam a ordem dos Estados Unidos. Os Estados Unidos viram o perigo da ideologia comunista invadindo o Continente Sul-americano e usou os militares para impedir esse avanço ideológico. Nesse período a URSS caiu nas mãos dos mafiosos, corruptos e capitalistas, e os comunistas brasileiros que queriam entregar o Brasil a URSS, foram perseguidos e deportados para outros países. Depois com o tempo viraram a casaca para os países capitalistas principalmente para os Estados Unidos, neste ínterim, veio as Diretas Já e os civis tomaram o poder político brasileiro em comum acordo com as Forças Armadas, foram anistiados e conseguiram se infiltrar nos serviços públicos, na política e tomaram o poder constitucional. 

Os mesmos comunistas que foram perseguidos agora estavam no comando da nação brasileira e com apoio total das Forças Armadas e dos Estados Unidos que não viu nenhum perigo expansionista nessa ideologia, porque esses ex-revolucionários não eram mais comunistas soviéticos eram e são os atuais mafiosos do capitalismo internacional e que, vieram para derrubar a ordem e o progresso do Brasil que estava em pleno desenvolvimento e enriquecendo, então, a ordem foi para frear e falir todo o sistema econômico, financeiro e social. O Brasil estava fazendo frente aos países do primeiro mundo e isso não é permitido pelo bloco da globalização. Foi então que entrou o bloco da máfia corrupta que invadiu a Petrobras e todo o serviço público enfraquecendo a estrutura financeira do país. 

Toda essa crise que estamos passando foi planejada para parar o desenvolvimento social, isso não é de agora, desde o império que somos tratados como descartáveis com relação a independência social, econômica e financeira do Brasil, somos tratados como seres: primitivos, incompetentes, nativos, cidadãos de terceira classe, e uma série de pejorativos... Infelizmente, é o próprio governo que está contra o povo e a favor dessa máfia de estagnação nacional que entrega todas as nossas riquezas para a máfia estrangeira. 

No império D. João VI quando entregou a coroa a D. Pedro dizendo: “Antes que caia nas mãos de algum aventureiro” esses aventureiros eram os brasileiros. Quando D. João VI foi para Portugal limpou os cofres do Banco do Brasil levando todo o ouro que ali estava depositado e ainda fez um empréstimo milionário com a Inglaterra deixando o Brasil na inadimplência e a mercê do capital inglês. A Independência do Brasil não passou de uma farsa, um engodo do império português para evitar que os brasileiros tomassem o poder. A República foi dirigida por brasileiros que recebiam ordens dos estrangeiros como até hoje, vem fazendo.  O Brasil nunca foi independente esteve sempre nas mãos dos invasores financeiros internacionais que deixaram sempre o país de joelhos, como estamos agora, devendo ao FMI e uma gama de redes bancárias internacionais e nacionais, isso também é uma máfia. O governo atual capitulou diante das pressões internacionais, fomos enganados e espoliados por uma crise estrategicamente planejada para parar o crescimento do Brasil. Isso é uma grande organização política mafiosa. Ninguém vê essa organização mundial mafiosa como uma organização terrorista que destrói as famílias, a sociedade e a nação, ao contrário, são personas gratas a todo sistema capitalista mundial.

Por ser esse governo um pau mandado do regime capitalista é que, ninguém consegue desarticular esse grupo conspirador que está a serviço da máfia política capitalista mundial, apoiada pelas Forças Armadas e pelo governo norte-americano. 

O trabalho foi bem orquestrado entregaram a Petrobras aos acionistas estrangeiros e todas as riquezas do solo e subsolo brasileiro; jogou no lixo na Bolsa de Valores toda a reserva cambial deixando o país a deriva; fizeram dezenas de construções inacabadas e todas superfaturadas pela corrupção dos mafiosos; andaram saqueando o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – (BNDES) com empréstimos em longo prazo e juros baixos a países estrangeiros; fizeram as pedaladas proibidas em que o governo pede recursos aos bancos privados para cobrir as despesas. Com essas e outras irregularidades a nação entrou na inflação e recessão que achatou os salários e as demissões em massas dos trabalhadores, o país está num verdadeiro caos econômico, financeiro, político e social do jeito que a máfia internacional planejou. 

Ninguém toca nesse governo que está sob a égide dos capitalistas que estão tirando proveito do caos político brasileiro. Todas essas crises que estão afetando o Brasil são frutos da subserviência dos “representantes do povo” que está governando através de impostos e sufocando toda nação.

As máfias dos ladrões políticos já existiam desde o tempo de Santo Agostinho e a desonestidade desde a época de Rui Barbosa que era um escândalo e o deixou estarrecido e chegou o tempo de que o homem honesto está se envergonhando de ser honesto.

A máfia é um câncer corrupto que se enraíza pelo corpo de uma nação e de um país.






Por: Ernani Serra
Pensamento: O estado nada mais é que um ”grande bando de ladrões”, uma máfia. Só que muito maior, mais opressiva, e mais perigosa.
Santo Agostinho