Leitores Online

19 de jan de 2017

Exterminadores de Colônias


Trocaram seis por meia dúzia, essa é a política de extermínio do Brasil; o Michel Temer tem as mesmas ideias político e econômico-financeiro da ex-presidente Dilma Rousseff. Nem esquentou a cadeira já começou a privatizar a Petrobras e vêm mais privatizações em favor dos estrangeiros, aguardem!

Se fosse para pagar a dívida do Brasil, mas não é, é para pagar os juros compostos dos credores (banqueiros) internacionais e nacionais sem nenhuma perspectiva de sairmos dessa areia movediça que os Petistas e toda classe política que o acompanhou e aplaudiu nessa corrupção desenfreada, ambiciosa, criminosa, traidora... Só tem um jeito de sairmos desse atoleiro, o não pagamento das dívidas do Brasil e da Petrobras até que, um dia, possamos pagar sem sacrificar o povo e nem entregar as riquezas do Brasil aos estrangeiros. Temos que dar o calote nas dívidas e dizer: “Devo não nego, mas só pago quando puder”.

A empresa Brookfield do Canadá comprou 90% do gasoduto no Sudeste do Brasil pertencente à Petrobras por US$ 5,2 bilhões do seu ativo na data de 23/09/2016 e ainda se deu ao luxo de parcelar essa importância, enquanto a dívida da Petrobras em termos líquidos é de R$ 332,39 bilhões – a maior de uma petroleira no mundo. Nenhuma empresa estrangeira compra uma empresa falida e se compra é porque vale muito mais do que o valor da compra. A Brookfield comprou esse gasoduto a preço de banana como sempre fazem as estrangeiras.

Se o Brasil vendesse tudo o que resta da Petrobras não daria para pagar essa maldita dívida faraônica, ainda têm pessoas entreguistas que acham que foi vendida a um preço bom e justo. Esse dinheiro não vai dar nem para botar no buraco do dente, só vai amortizar uma parte dos juros compostos, e a Petrobras vai continuar no fundo do poço extraindo dinheiro de tudo e de todos para pagar esses juros intermináveis sem falar na herança maldita que os Petistas deixaram nos cofres públicos do Brasil para o povo (bode expiatório) pagar por eles. O FMI não aceita pagamento a vista, mui amigo, quer parcelado para explorar o país nos juros compostos é um verdadeiro polvo que não deixa a presa sair ilesa.

O Brasil está como essa quadrilha planejou sem fundos e toda riqueza entregue as multinacionais que vão explorar e enviar os lucros e as riquezas do solo e subsolo para os seus países (piratas modernos). O Brasil e os brasileiros estão no mato sem cachorro sendo espoliados por arrochos fiscais, deixando a nação, mais pobres e miseráveis; quando não tivermos mais riquezas seremos abandonados à própria sorte, na miséria, como a França fez com os haitianos que hoje morrem de fome sem nenhum amparo dos seus algozes franceses; e muitas outras colônias no mundo inteiro estão passando pelo mesmo processo de abandono pelos antigos invasores.

Na última crise financeira que o país esteve sofrendo só saiu do aperto porque tinha a Petrobras para financiar e pagar as dívidas, e agora? O que temos? Nada, só dívida e um buraco negro que absorve todos os recursos da venda ilegal do patrimônio brasileiro e um povo cada dia mais sendo esmagado pelo rolo compressor do Estado.



Por: Ernani Serra
Pensamento: A honestidade é uma luz no fundo do túnel dentro das trevas da corrupção.
Ernani Serra