Leitores Online

12 de fev de 2017

Como Neutralizar a PEC-241



Só tem um jeito de neutralizar os danos negativos da PEC-241, é elaborar no Congresso Nacional uma lei que congele por vinte anos os juros compostos dos investidores e credores (bancos) nacionais e internacionais nas gestões do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da Dilma Vana Rousseff; só assim, o dinheiro que ia para os banqueiros e credores da dívida pública do Brasil ficava para resolver os problemas da crise socioeconômica e financeira do país. Esses dois governos deixaram o país numa quebradeira de maneira consciente, irresponsável e favorecendo uma conspiração internacional para invadir e tomar de assalto o mais rápido possível a Petrobras e o Brasil. Jogaram dinheiro no lixo com obras inacabadas, aplicações bilionárias na Bolsa de Valores, favorecendo os superfaturamentos das construções e facilitando as propinas milionárias e deixando a corrupção política e civil invadirem os cofres da União e do Erário Público. 

O governo através da PEC-241 está tirando os investimentos: da Saúde; Educação; Previdência Social; Assistência Social; e redução (perdas salariais) dos salários dos trabalhadores e aposentados por vinte anos; etc. Para aplicar no pagamento dos juros da dívida pública externa e interna por vinte anos em benefício dos agiotas e em prejuízo da nação brasileira.

Os políticos preferem a extinção do povo brasileiro do que passar um calote nos credores, a dívida do Brasil deve ser honrada nem que seja com o sangue da nação. Uma lei com vinte anos de congelamento da dívida pública não é um calote e sim, um prazo para o Brasil se recompor da crise que está passando e ao término da data estipulada o Brasil começava a honrar a dívida, é o mesmo que o governo está fazendo com o povo com a PEC-241 tirando da nação para pagar os agiotas.

Os bancos não aceitam o pagamento da dívida do Brasil de maneira a vista, o que realmente querem é extorquir o país com juros compostos (exorbitantes), e triplicar o valor da dívida através dos anos, deixando o Brasil na dependência de jogar dinheiro num buraco negro numa dívida infinita num jogo de agiotagem permanente.

O Brasil não tem com sair dessa viela financeira dos credores, ao contrário, a PEC-241 vai piorar: o atendimento na Saúde Pública; na instrução da Educação; na aposentadoria da Previdência Social; na diminuição da Assistência Social; a queda salarial; o desemprego (recessão); aumento do custo de vida com mais falências no comércio e indústria; etc.

A saída é uma lei de congelamento por vinte anos da Dívida Pública do Brasil, mas como os políticos são comprometidos nem pensar nessa hipótese.
 




Por: Ernani Serra 
Pensamento: A política tem a sua fonte na perversidade e não na grandeza do espírito humano.
Voltaire