Leitores Online

1 de mar de 2017

Humanidade Complicada


Quando um país está com superpopulação os governantes procuram amenizar os problemas com guerras, doenças, epidemias, etc. 

Quando um país está com mais idosos e com uma população jovem baixa, os governantes procuram entupir o país com imigrantes de outras nações populosas e de baixa qualidade e qualificação profissional.

Alguns estudiosos dizem que países com baixa população podem desaparecer, isso não existe, porque antes dessa explosão demográfica atual, os países e o mundo tinham uma taxa populacional baixa e com poucos problemas. 

O Japão por exemplo, hoje, está com um índice de natalidade baixa e com um índice de mortandade alta, essa baixa na natalidade japonesa vai melhorar a vida social, o mesmo está acontecendo com os países da Europa que são países mais civilizados e de maior consciência dos problemas mundiais e sociais, portanto, a sociedade desses países não querem mais botar no mundo crianças para sofrerem nesse mundo cão, são pessoas educadas e sabem do perigo da explosão demográfica no mundo, os países que estão com essa baixa de natalidade deveriam os políticos darem graças a Deus, mais infelizmente, esses governantes não têm as mesmas perspectivas da sociedade e estão deixando entrar em seus países milhões e milhões de imigrantes de outros países. 

Esses países de terceiro mundo ou emergentes, sem educação suficiente para controlar a natalidade e onde só existem problemas sociais e econômicos em seus países sem educação, sem saúde, sem nada, em plena miséria social, e ao entrar clandestinamente nesses países que estão acolhendo os imigrantes vão levar os problemas do seu país para os países do primeiro mundo. 

Os governantes mundiais deveriam fazer campanhas contra a natalidade e deixar o país diminuir de população até chegar ao índice populacional da década de 1930, para que a humanidade pudesse usufruir de melhores dias com bem-estar e consciente de seus deveres para com a pátria. Essa regressão da natalidade iria beneficiar o meio ambiente, o clima, a hidrografia, o ar etc., tudo isso iria contribuir com a descontaminação do ar, das águas, da terra, dos polos e das florestas. O mundo ficaria mais saudável para a vida humana.

Para diminuir a população gradativamente da humanidade não precisa de guerras e nem de epidemias e muito menos de crises, é só conscientizar a população de todos os países dos prós e contras com respeito ao crescimento populacional e a própria sociedade vai diminuir a natalidade de maneira racional, contanto que, os governantes não recebam mais nenhum imigrante em seu país, cada país que resolva os seus problemas internos e não contaminem os outros países com os seus problemas mal resolvidos. Quem pariu os seus problemas que balancem.







Por: Ernani Serra 
Pensamento: O mundo melhora com a diminuição da população educada.
Ernani Serra