Leitores Online

1 de mai de 2017

Dia do Trabalho


O que o trabalhador tem a comemorar no dia 1º de Maio – Dia do Trabalho? Nada, apenas o feriado e cansaço.

O trabalhador mundial não tem o que comemorar nesta data que deveria ser o Dia do Escravo, até as leis que pensavam que tinham conquistado alguma coisa não passou de um Salário Mínimo, um elo nas algemas e um látego no sofrimento desses burros de cargas que sustentam o apogeu dos marajás do poder econômico, financeiro e políticos de todas as nações.

O que ganham esses trabalhadores no sistema global senão lágrimas, frustrações, sofrimentos...

Os trabalhadores de hoje são escravos modernizados que lutam pela sobrevivência e nada conseguem no futuro com esses “avanços sociais” e sim, são degraus para os empresários que enriquecem as custas desse trabalho escravo.

Agora vem alguns presidentes mundiais a tirar as gotas de “avanços sociais” dessa classe ordinária deixando todos numa senzala de leis retrógradas. Leis essas que só vem beneficiar o poder econômico e financeiro do mercado mundial e cada dia isolando e se distanciando das classes burguesas das dos proletariados, havendo uma discriminação classista.

Toda as conquistas e avanços das classes trabalhadoras não passaram de utopias, mera ilusão de uma miragem que a cada dia está se diluindo através dos poderes políticos mundiais.

O trabalhador está tão bem de vida que estão fazendo passeatas de protestos em todas as partes do mundo. Os trabalhadores só terminam os seus dias na miséria, com aposentadorias de um Salário Mínimo.






Por: Ernani Serra 
Pensamento: Os trabalhadores são a base da pirâmide social que sustenta toda burguesia no topo da pirâmide. 
Ernani Serra